VIVER DÁDIVA É, brasileiro ser,comenda é

VIVER DÁDIVA É, brasileiro ser,comenda é

11 de out de 2011

SAUDADES por fátima guerra

SAUDADE Que eu não seja saudade, como a palidez dos dias brancos, mas que eu seja o lampadário do sol a levantar-se nas alvoradas luminosas, anunciando o azul do novo dia. Que eu não seja saudade, a sussurrar como um lamento triste, mas que eu seja a voz dos passarinhos, alegremente despertando para a vida. Que a saudade não seja o vento tenebroso a sibilar nas frestas da janela, assustando fantasmas esquecidos, mas que eu seja a brisa delicada que se enrosca nas ramagens perfumadas, e beija com perfume tudo que toca. Enfim, que a saudade não seja lágrima mas que seja sorriso, que não seja ausência mas que seja lembrança e até mesmo presença, porque a saudade é isso. FÁTIMA GUERRA Santos, 08/10/11 – 18H00M

IRMÃ QUERIDA DE VIDAS OUTRAS....
LEMBRA QUANDO CRIANÇAS......
A VIDA NOS EMBALAVA????

7 comentários:

  1. Bonito texto Ricardo (Sempre a saudade inspirando os poetas). E você como está?

    Abraços e meu carinho.

    ResponderExcluir
  2. Emocionada estou em sentir o poema da amada Fátima Guerra... Obrigada Re & Ricki

    ResponderExcluir
  3. Caro amigo

    Também tenho
    esta vontade,
    de ser saudade assim.

    Saudade na forma
    de sorrisos,
    de uma vida
    que soube valer
    a pena.


    Que os sonhos te habitem
    o coração, sempre...

    ResponderExcluir
  4. Querido Ricardo

    Agradecendo a honra e privilégio de estar contida neste seu espaço tão especial, devo dizer que ainda sou mais feliz por estar contida dentro do seu carinho, nesse seu coração, ninho de tantos afetos e emoções.
    Obrigada por tudo.
    Bjs para vc e para querida Regina.

    Fátima Guerra.

    ResponderExcluir
  5. Amigo querido,

    Saudades...

    Cuide-se bem! Cuide de você e de quem você ama!

    Beijos pra voce e Regina

    ResponderExcluir
  6. Caríssimo e fraterno Ricardo
    Os amigos de verdade são assim mesmo, amigo! Bem haja por tanto carinho, ternura, cuidado com nossa comum amiga - de mim tão recente quão sentida!
    Abraço e, saudades minhas também para ela.
    Quicas

    ResponderExcluir
  7. Ricardo,
    Vim agradecer e retribuir a visita ao meu blog e as palavras tão carinhosas.

    Sei que é amigo da Madalena e fico muito feliz de te receber no meu cantinho. Amo a Madalena!
    E já vi que também és uma pessoa muito especial, em alma e coração. Fico muito feliz de poder encontrar pela vida pessoas assim...

    Espero que tornemos a nos encontrar e nos visitar, e não nos percamos pelos caminhos...

    Também creio, e muito na magia da vida...a vida é rica em ensinamentos...vivamos como tem que ser, com alegrias, tristezas, conflitos, problemas, sonhos e esperança, pois isto é que é "viver", e assim vamos crescendo em alma e espírito, com as experiências que a vida nos proporciona...
    A vida é bela...belíssima...só temos que ter olhos para enxergar...

    Beijos fraternos no coração...
    Liz

    ResponderExcluir