VIVER DÁDIVA É, brasileiro ser,comenda é

VIVER DÁDIVA É, brasileiro ser,comenda é

2 de mar de 2012

O Escritor e a Loucura by Zuenir Ventura

No dia  29 de fevereiro, além do encantamento de comemorar o aniversário da Cidade do Rio de Janeiro , delícia foi ler no Jornal O Globo, de autoria de Zuenir Ventura, o artigo "O Escritor e a Loucura", que aqui,na íntegra transcrevo e dedico post esse,aos Portugueses girassólicos seguidores desse blog Viver é Pura Magia.
Deliciem-se:
Regina e Ricardo Calmon
                                                         


                                                             
                                                                   Transcrito na íntegra, na edição do Jornal O Globo do dia 29 de fevereiro de 2012
Para quem só conhece Rubem Fonseca no Brasil, é difícil imaginar a cena ocorrida na semana passada em Póvoa de Varzim, cidade de Eça de Queirós, ao Norte de Portugal, quando o escritor que não dá entrevistas, não se deixa fotografar e não faz palestra, a nossa Greta Garbo, de microfone em punho, rodando em volta da mesa onde deveria estar sentado ao lado de meia dúzia de importantes colegas portugueses, iniciou sua fala: "Aqui nessa mesa todos somos loucos." Dizia e punha a mão no ombro de cada um, inclusive do quase nonagenário filósofo Eduardo Lourenço. "A literatura é uma forma socialmente aceita de loucura", justificava. Na plateia, mais de 200 pessoas assistiam meio incrédulas, misturando espanto e muitos risos, à palestra-show do autor de "Bufo & Spallanzani", que foi premiado no 13 Correntes d'Escrita, o encontro anual que reúne escritores de expressão ibérica.

Citando em dez minutos doze autores de variadas nacionalidades (é o único a fazer isso com naturalidade, sem ser pedante), Rubem apontava as condições necessárias para alguém se dedicar ao ofício da escrita. A primeira, indispensável, seria então a loucura. Recorrendo a um exemplo do inglês W. H. Auden, ele garantiu que a maneira de formar um poeta é torná-lo, quando criança, bem neurótico. Basta isso? Perguntou, para responder que não, que o candidato devia ser alfabetizado, "mas não muito". E não precisa ser inteligente? Nem sempre. Segundo ele, Somerset Maughan confessou ter conhecido centenas de colegas, mas poucos, inteligentes. "Concordo com isso", acrescentou Rubem, para delírio da plateia.

As outras condições seriam ser motivado ("sem motivação você não descasca nem uma banana"), imaginativo (e, virando-se para os que compunham a respeitável mesa, disse: "O escritor tem que ter imaginação, ouviram, meninos") e, finalmente, ser paciente. Para ilustrar, citou o caso do romancista francês Gustave Flaubert, que levou cinco anos para escrever "aquele livrequinho de 200 páginas, 'Madame Bovary', porque ficou à procura da palavra certa, o 'mot juste'". "Não existe sinônimo, estão ouvindo? Cada palavra tem um significado diferente", ensinou, provocando mais risos: "Essa coisa de sinônimo é conversa mole para boi dormir dos gramáticos."

No final, sobrou também para o público: "Vocês aí, não pensem que, por não serem escritores, não são loucos também." Foi aplaudido de pé.

Em 1995, assisti a um show parecido em Havana, onde ele e eu fomos jurados do Prêmio Casa das Américas. Quando descrevi na volta o que tinha visto, um Rubem Fonseca solto, desinibido, fazendo graça e arrancando gargalhadas ao ler dois contos, um violentíssimo e outro quase obsceno, muitos aqui duvidaram.
Agora tem o YouTube para comprovar.

10 comentários:

  1. Querido amigo, tenha um lindo final de semana. Beijocas

    ResponderExcluir
  2. Adoreiiii...rsrs
    E viva a loucura.. E viva la vie..
    Bom Domingo queridos!
    beijos Luz

    ResponderExcluir
  3. Um grande post, amigo querido e querida Regina.

    Beijão a ambos

    ResponderExcluir
  4. OI amigo querido,

    adorei o post. Fique sabendo que eu sou realmente louca!!!! rsrsrs...
    Isso era tudo que eu estava precisando ouvir! Agora vou ficar á vontade!!!!

    beijos meus lindos! saudades e saudades docês dois Ricardo e Regina

    Daquela que não esquece vocês

    Leila

    ResponderExcluir
  5. Que lindo estar aqui novamente e falar de alguém tão importante para nosso País, intelectualmente.
    Rubem mudou uma geração aqui.
    Seu filho é um bom escritor e frequenta o meu Correio em Itaipava, publicou um livro com muito mérito, sobre relações.
    Espero que eotle me dê um exemplar.

    Um abraço meu grande amigo e espero que nao esteja chateado comigo; bjao

    ResponderExcluir
  6. Ou o Rubem bebeu ou está brincando.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  7. Penso que é na loucura que falamos as verdades, pena que ninguem nos ouve, ou finje que não entende!
    Adorei...abraços para voce e tua REGINA!

    ResponderExcluir
  8. Oi Ricardo e Regina...
    Todo mundo de louco tem um pouco...Adorei o post...
    Hoje vim pedir seu votinho..Estou participando do Sorteio de Fotografias Esconde...Esconde...promovida
    pela Kika do blog http://kikaeassuasideias.blogspot.com/ e ficaria muito feliz se pudesse contar com o seu voto.
    Para votar é preciso deixar um comentário com o voto no post " Inicio do sorteio "esconde esconde".
    Então , venha participar dessa brincadeira...Eu já estou escondidinha.esperando você no Denguinho.

    Vote Nina 26
    Arigatou né!

    Nyan nyan
    Nina

    ResponderExcluir
  9. especially all over the world.the north face jackets If you're planning to purchase some Abercrombie Fitch clothing as a gift for your families and friends, you can also purchase online, Moncler Jackets you can enjoy great discount.

    ResponderExcluir